RSS

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

O dia que tentei mudar o NAO de Deus... parte IV


Cheguei em Philadelfia em Setembro de 2008. Tive que me readaptar a nova cidade, nova familia, novos amigos... O inverno estava quase comecando e eu comecei a ficar mais deprimida ainda... Neve e um frio de as vezes -23º C, impediam de vida social ou de sair de casa muita das vezes... Passava os dias dentro do quarto e isso gerava uma ansiedade em mim... Eu queria que meu namorado ficasse 24h no computador falando comigo e me frustava quando ele dizia que nao podia. Nessa epoca, ele comecou a pegar firme na IURD e eu comecei a sentir ciumes... Comecei a nutrir um odio pela igreja que nem eu entendia...

Veio dezembro e eu havia mandado de presente para ele umas blusas que eu vinha juntando durante os meses que mudei. Ele veio me dizer que iria sacrificar tudo no altar de Deus... No inicio, eu nao entendia direito o que aquilo significava e nao dei importancia, foi quando a mae dele me contou que ele estava vendendo TUDO que um dia tinha dado pra ele "pra dar o dinheiro para a igreja". Eu me senti a pior pessoa do mundo e fiquei MUITO brava com ele... Comecei a ficar com mais odio da igreja e muito magoada com a situacao... Tentei passar uma borracha, mas nao consegui e terminei com ele.

Eu pensava que ele tinha ficado louco e achava que a culpa era da igreja que tinha feito uma lavagem cerebral nele... Continuamos conversando e nos tratando como namorados, ele dizia estar me esperando. So que ele comecou a mudar comigo e eu decidi que tinha que ir para a IURD, para descobrir os podres dos pastores ladroes e o que tinham feito com meu namorado... Decidi ir a IURD, para arrancar meu namorado das maos dos "pilantras"...

Em abril de 2009, cheguei a IURD da Castor Avenue em Philadelfia...

(continua)

Um comentário:

Lilian C. Sobral disse...

Belo motivo pra se ir à IURD, hein?? rsrs Quisera todos os q pensam assim, fizessem isso! Acabariam tirando a prova do que realmente é o trabalho em vez de só falar mal sem conhecer absolutamente NADA!

Bjinhouxx Nath!

PS.: Amo o teu testemunho! =)

Postar um comentário